Curitiba!

Jardim Botânico

Finalmente um tempinho para contar sobre a minha última viagem de férias do ano, antes que o ano acabe. Local escolhido? Curitiba, cidade fofa, verde e que eu ainda não conhecia. 🙂

A primeira impressão ao chegar e que se confirmou durante a viagem: que cidade limpa! As ruas muito limpas mesmo, até no que podemos chamar de centrão da cidade.

Depois, que belezas de parques públicos! Árvores, árvores, árvores, flores e mais flores. O Parque Tanguá é realmente de encher os olhos de tão lindo. Um local pra passar o dia inteirinho, conhecendo os jardins, os lagos, fazendo caminhadas…  O Jardim Botânico, então, dispensa comentários.  Os bosques do Alemão e do Papa também são bem bonitinhos e valem a visita. A trilha de João e Maria, no primeiro bosque, é uma ótima opção pra levar a criançada.

O centro histórico também é uma graça e bastante convidativo. A feirinha do Largo da Ordem, que acontece todos os domingos, é uma opção pros amantes das feirinhas e souvenirs. Mas prepare as pernas porque a feira é imensa!

Ah! É no Largo da Ordem que você encontra também vários bares, entre eles o Bar do Alemão, tradicional e disputado por turistas e moradores da cidade. Lá tem vários tipos de chopps, claros e escuros, mas o mais famoso é mesmo o Submarino, aquele que vem com uma canequinha de Steinhaeger que você pode levar de lembrança.

Parque

E por falar em bares, a culinária local também é outra coisa maravilhosa. Desde os restaurantes mais arrumadinhos até a padaria de esquina próxima ao Parque Tanguá com seu pão e hambúrguer caseiro. E para quem curte a culinária italiana, a dica é visitar o bairro Santa Felicidade.

E para conhecer os vários pontos turísticos da cidade, nada melhor do que a Linha Turismo de Curitiba, uma linha especial de ônibus de turismo de dois andares que circula por toda a cidade.

Rua das Flores  Bondinho

Advertisements